Anel de Ferrara

Anel de Ferrara

   O anel de Ferrara, também chamado de Anel Intraestromal Corneano, é uma órtese formada por dois semicírculos de espessura variada e de apenas 5 mm de diâmetro, feitos de polimetilmetacrilato (PMMA), uma espécie de acrílico rígido.

   Trata-se do mesmo material utilizado na fabricação de lentes intraoculares há mais de duas décadas, sendo perfeitamente tolerado pelo organismo.

 

Quais as vantagens desta opção de tratamento?

 

   Entre as vantagens de implantação do anel de Ferrara destacam-se a rapidez da recuperação pós-cirúrgica, a ausência de possibilidade de rejeição pelo organismo e o risco mínimo de complicações.

   Outra grande vantagem da cirurgia do anel de Ferrara é que se trata de um procedimento totalmente reversível, o que possibilita que os implantes possam ser retirados, trocados ou ajustados quando necessário, como nos casos em que há uma correção inadequada da visão.